Um Diálogo do Homem com o Material – Celeida Tostes

Foi minha intenção ao escrever este artigo, a de procurar esboçar a interrelação de matérias inorgânicas, submetida à alguma modalidade de força. Seja a força da natureza seja a força do homem. O domínio que o homem gradativamente veio a exercer sobre essas matérias, deu origem a criação de outras matérias, conduzindo a partir de um tronco comum, os diversificados tipos de arte, atestando um dialogo, permanente e infindável, com o material. Assim, fui levada a adotar como ponto de partida, uma visão antropológica e também uma abordagem química.

Continuar a leitura →