Aula aberta com Priscilla Duarte: Modelando o cântaro ou o teatro como artesanato

 

 

Nesta quarta-feira, dia 13 de dezembro, acontecerá a última atividade do Teia do Barro em 2017. Laila Kierulff convida Priscilla Duarte para falar de sua experiência com a modelagem no palco. Das 10 às 12h na sala 7, na Escola Guignard-UEMG. Apresentação aberta ao público.

O que este barro esconde e mostra é o trânsito do ser no tempo (…)
(A caverna, de José Saramago)

O que aproxima a arte do ator à arte da cerâmica? Como o barro, o corpo do ator é
matéria de potência, que se deixa atravessar por forças que o ultrapassam. Corpo e voz,
movimento e palavra, som e silêncio: elementos que vão se modelando, no torno da cena,
para tornar visível o invisível.
Nessa conversa, pretende-se compartilhar parte do processo de criação de O cântaro, ou
o amor possível — livre adaptação do romance A caverna, de Saramago —, experimento
cênico de Priscilla Duarte (em parceria com o diretor francês François Kahn), e as
questões que dele emergem, no âmbito do doutorado em Artes da Cena, desenvolvido
pela atriz/pesquisadora, sobre o tema A arte do ator na maturidade.

Priscilla Duarte é atriz, preparadora corporal e vocal, e figurinista do Teatro Diadokai
(desde 1996); doutoranda em Artes, na linha de pesquisa Artes da Cena (EBA/UFMG,
desde 2015), bolsista FAPEMIG e PDSE-CAPES, com o projeto de pesquisa “A arte do
ator na maturidade"; mestre em Artes (EBA/UFMG, 2014), bolsista FAPEMIG, com a
dissertação “O treinamento do ator: do corpo como instrumento ao corpo como
experiência”; e bacharel em Artes Cênicas (UNIRIO – 1987). Foi atriz do Teatro Tascabile
di Bergamo (Itália), de 1989 a 1994, e atriz-colaboradora de 2003 a 2007. De 2010 a
2012, foi professora substituta de Expressão Corporal na UFOP (MG).

Exposição ExtratoEstrato, de Betânia Silveira

 

No dia 25 de novembro de 2017 acontece a abertura da exposição ExtratoEstrato, da artista Betânia Silveira. A mostra acontecerá no Viaduto das Artes, que fica aberto para visitação de segunda a sexta das 10 às 17 horas, e ficará em cartaz até dia 10 de fevereiro de 2018.

Entrada gratuita.

Viaduto das artes: Av. Olinto Meireles, 45 – Barreiro, Belo Horizonte – MG

Diálogos com o Bronze

Diálogos com Bronze

No dia 22 de Novembro de 2017, quarta-feira, às 19:30h o Teia do barro realizará Diálogos com o Bronze, apresentando:

A Expressividade do Bronze, Prof. Ms. Marco Paulo Rolla

O artista e professor falará sobre sua nova obra de bronze e sua experiência na fundição Ana Vladia.

Fundição Artística, Ana Vladia

A proprietária da Fundição, abordará sobre a expertise em bronze, a estrutura e as possibilidades de realização dentro de seu espaço.

Mediação:

Profª. Ma. Lorena D’Arc

 

No auditório da Escola Guignard-UEMG.

Abertura de Forno Noborigama no Ateliê Erli Fantini

 

Acontecerá nesse sábado, dia 4 de novembro, a abertura do Forno Noborigama do Ateliê Erli Fantini, onde você poderá conferir o resultado da queima. O evento contará também com uma palestra, exposição e venda de peças, oficina de Raku, música, comidas e bebidas.

Confira a programação abaixo.

Continuar a leitura →

Oficina de Raku com Erli Fantini

 

Nesse domingo, dia 5 de novembro, a artista ceramista Erli Fantini dará uma oficina de Raku em Brumadinho – MG.
A oficina terá duração de 7horas e 30 minutos, das 10hs às 17h30 e você pode se inscrever através do email contato@patuacultural.com.br ou do telefone 998965182. Investimento: R$290.

O Ateliê Erli Fantini fica localizado na Rua 2, 345, Palhano, Brumadinho.
Entrada Km 567 da Rodovia BR-040, próximo à portaria 2 do condomínio Retiro do Chalé.

Exposição Contempo de Lu Reche

A edição de Outubro da Contempo traz para a Arranjo Móveis as obras da artista plástica e ceramista, Lu Reche. No dia 25 de Outubro, às 19h, acontecerá a vernissage.

Endereço: Rua Mato Grosso, 1039, Centro, Divinópolis.

Para maiores informações: 37 32126273.

Convocatória para a exposição TEAPOTS

 

A exposição TEAPOTS é uma realização da GALERIAONZE88 que
acontecerá no período de 23 de fevereiro a 20 de abril dentro do espaço Galeria de
arte ONZE88 – Rua João Alvares Soares 1188 – Campo Belo SP. Estão convidados a
participar todos os ceramistas do território nacional.
O artista inscrito deverá enviar para a exposição “TEAPOTS”, um trabalho
inteiramente projetado e confeccionado por ele atendendo o tema “
teaspots”( chaleiras).
O valor da inscrição é de R$ 80,00 ( oitenta reais) para artistas que se
inscreverem até o dia 10 de dezembro de 2017. Para inscrições posteriores o valor da
inscrição passa a ser R$ 100,00 ( cem reais).
O período de Inscrição vai de 23 de outubro de 2017 (23/10/2017) até 05 de
fevereiro de 2018 (05/02/2018).
O depósito deve ser efetuado na conta corrente do Banco Itaú S.A. em nome de
Célia Martins Pereira Andrade. Agência 6414, conta 22032-4.
A ficha de inscrição, devidamente preenchida e o comprovante de depósito
deverão ser enviados por e-mail galeriaonze88@gmail.com
As peças entregues para esta exposição poderão ser vendidas. A
galeriaONZE88 fica com 30% do valor da obra do artista caso esta seja vendida. O
valor declarado na ficha de inscrição não deve somar os 30%, este será acrescentado
pela galeria.
As obras deverão ser entregues devidamente etiquetadas (lugar não visível ao
público) com o nome do artista, título da peça.
O valor da venda de obras durante a exposição será depositado no prazo
máximo de 30 dias, em conta corrente ou poupança obrigatoriamente em nome do
artista inscrito, segundo os dados por ele fornecidos na ficha de inscrição.

A exposição será montada nos dias 19, 20, 21 e 22 de fevereiro de 2018 pela
própria galeria. As obras deverão ser entregues entre os dias 05/02/2018 a 09/02/2018
entre as 10h e 17h.

A vernissage da exposição será dia 23 de fevereiro de 2018 ás 19h.
A exposição será desmontada no dia 23 de abril de 2018. As obras devem ser
retiradas no período de 23 de abril a 25 de abril de 2018 entre 10h e 17h.
A organização da exposição “TEAPOTS” buscará oferecer as condições
adequadas à realização do evento, entretanto estará isenta de qualquer
responsabilidade sobre eventuais danos.
Os artistas da exposição “TEAPOTS” ficam desde já cientes e concordam com
o fato de que as imagens das obras ou registros fotográficos e audiovisuais realizados
no local do evento poderão ser utilizados pela galeriaONZE88, em catálogos, mídias
internas e externas, assim como na divulgação deste ou eventos futuros, sem qualquer
ônus para a GALERIAONZE88.
Parte da renda vinda das inscrições será doada para a ONG Cão sem-dono.
Ao enviar o comprovante de depósito e a ficha, por e-mail, fica entendido que
o participante está ciente e de acordo com todas as informações aqui explicitadas.

Resumo de datas importantes:
16/10/2017 – ABERTURA INSCRIÇÕES EXPOSIÇÃO “TEAPOTS”.
10/12/2017 – ÚLTIMO DIA PARA INSCRIÇÕES NO VALOR DE R$ 80,00.
05/02/2018 – ÚLTIMO DIA PARA INSCRIÇÕES PARA EXPOSIÇÃO
“TEAPOTS”.
05/02/2018 a 09/02/2018 – ENTREGA DE OBRAS NA GALERIA ONZE88 DAS
10H ÁS 17H.
23/02/2018 – VERNISSAGE EXPOSIÇÃO AS 19H.
23/02/2018 A 20/04/2018 – EXPOSIÇÃO TEAPOTS.
23/04/2018 A 25/04/2018 – DESMONTAGEM DA EXPOSIÇÃO E RETIRADA
DAS OBRAS PELOS ARTISTAS DAS 10H AS 17H.

fonte: PDF

O que guarda o silêncio nas pedras

 

A Galeria Cañizares apresenta no dia 23 de Outubro de 2017, a partir das 17h, a exposição individual “O que guarda o silêncio nas pedras”, da artista Luisa Magaly, com curadoria do artista-pesquisador prof. Dr. Eriel Araújo.
Esta exposição de obras inéditas nasceu da pesquisa de mestrado em Processos de Criação em Artes Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais – UFBA, iniciada no ano de 2016, sob título homônimo.
Luísa procura representar por meio do que define como corpos-objetos a inter-relação entre materialidade e imaterialidade. Das coisas intangíveis que se revelam e se ocultam por meio da essência vital das substâncias e volumes da natureza, retira os fundamentos para instaurar obras instalativas por meio de incorporações anímicas e procedimentos cerâmicos na arte.
Petrificações, repousos, suspensões, materialidade e imaterialidade, tensões, fluidez, instabilidade e sutileza fazem parte de um conjunto de conceitos que nos convidam a ver o que está além do visível.

fonte: evento criado para divulgação da exposição no facebook.

1ª Feira de Cerâmica de Petrópolis

 

A 1ª Feira de Cerâmica de Petrópolis visa divulgar a cerâmica autoral e resgatar essa tradição na cidade, considerada a mais charmosa da serra carioca.

O fazer cerâmico lida com a matéria viva, suas composições químicas e a magia do fogo, construindo através dessa alquimia um fazer múltiplo e transcultural advindo do barro. A cerâmica tem um histórico milenar e no contexto contemporâneo ela ressurge como expressão criativa, que não só acessa, mas expressa a imensidão do inconsciente coletivo.

Dois ceramistas cariocas residentes em Petrópolis, Marcia Limmanii e Ivo Ferreira, se propuseram a organizar esta feira de cerâmica. Reuniram ceramistas de Petrópolis e do Rio de Janeiro, que irão mostrar a diversidadeda cerâmica autoral. Tornou-se realidade um dos sonhos de Marcia – a inspiração veio das feiras de cerâmica de rua no Japão. “Sempre esteve em meus sonhos fazer uma feira de cerâmica nestes padrões”, diz ela.

Ivo Ferreira afirma: “É um convite aos amantes da cerâmica para virem conhecer o que de melhor produzimos. Desejamos que a Feira passe a integrar o calendário de eventos da cidade”.
Ivo, ressalta que em 2014, de forma pioneira no país, a Câmara Municipal de Petrópolis aprovou projeto de lei oficializando a comemoração do Dia do Ceramista, celebrado em 28 de maio.

Nesta primeira edição participam ceramistas do Rio de Janeiro e de Petrópolis, entre eles: Ana Rondon, André Sampaio, Carolina Valladares, Dorothee Ledermann, Guilherme Toledo, Ivo Ferreira, Jane Weinberg, Jean Ruffier, Lydia Sebastiany, Marcia Limmanii, Marina Toscano, Maria Luiza Lacerda, Sonia RO, Solange Mano, Sonia Saraiva, Rosalia Luz, Rosane Teixeira, Thaïs de Siervi e a nova geração de ceramistas petropolitanas, representada por Adriana Leite e Madu Gurjão.

Os organizadores também apostam e incentivam os alunos dos ateliers de Lydia Sebastyani, Sonia RO e Studio Marcia Limmanii, que estarão expondo seus trabalhos.

O evento ainda oferecerá ao público, gratuitamente, apresentações das pinturas feitas à mão com a equipe da Cerâmica Luiz Salvador, oficina de cerâmica para jovens e adultos “A Poética do Barro” com Ana Rondon, palestra “A Memória da Cerâmica em Itaipava” com Solange Mano e mostra de vídeos relacionados à cerâmica.

Agradecimentos à Cerâmica Luiz Salvador, Rrisi Produtos Cerâmicos, Argilas Paschoal, Arte Brasil Materiais, Shopping Vilarejo, Rede InterTV, grupo Arte Cerâmica em Petrópolis, Mudas Katsumoto, Render Cópias, Petrópolis Convention Bureau, Instituto Municipal de Cultura e Esportes de Petrópolis e Prefeitura de Petrópolis, que apoiam e incentivam este projeto.

Sobre os organizadores:

Marcia Limmanii coordenou exposição na Suiça levando 9 ceramistas brasileiras a Basel e colaborou nas primeiras edições do Arte de Portas Abertas de Santa Teresa e de Laranjeiras. Participou de várias exposições no Brasil e no exterior. Há 28 anos trilha o caminho apaixonante da cerâmica.

Ivo Ferreira é graduado em Administração pela PUC-RJ e conta em sua bagagem com 20 anos de produção executiva das tournées da banda Barão Vermelho. Organizou as duas edições do Circuito das Artes de Itaipava. Atualmente se dedica exclusivamente à criação de cerâmicas, com ênfase nas pesquisas em queimas primitivas.

Serviço:

1ª Feira de Cerâmica de Petrópolis
Data: 18 e 19/11/2017
Horário: de 11 às 20h
Local: Shopping Vilarejo – Estr. União e Indústria, 10035 – Itaipava

Evento gratuito

Mais informações: feiraceramicadepetropolis.com.br

Contatos:
Marcia Limmanii (24) 98805-2393
Ivo Ferreira (21) 98253-0101

E-mail: feiraceramicadepetropolis@gmail.com

Fonte: evento criado para divulgação da feira no facebook.